Bate-papo sobre Angular 2 e PrimeNG com Çağatay Çivici

Postado por em   ●   1 comentário

Conversei com Çağatay, criador do PrimeNG, uma biblioteca de componentes para Angular 2, para um bate-papo por Skype.

Nessa entrevista, você vai descobrir:

  • O que é PrimeNG
  • O que Çağatay acha sobre Angular 2
  • Quais são os planos para o PrimeNG
  • Qual é a previsão para o PrimeNG ter todos os componentes do PrimeFaces (outra biblioteca de componentes, porém para JSF)

Assista a entrevista completa abaixo.

Assista o vídeo, comente e compartilhe com seus amigos que também gostam de Angular 2! :)

Quer aprender mais sobre Angular 2? Então faça o seu cadastro na nossa Lista VIP de Front-end para receber novidades por e-mail (novos vídeos, artigos, livros e cursos).

Lista VIP de Front-end

Transcrição

Thiago: Oi, meu nome é Thiago, eu trabalho na AlgaWorks e vou conversar agora com Çağatay. Estou no Brasil, Çağatay está na Turquia, e vou pedir a Çağatay para se apresentar. Oi, Çağatay, como vai?

Çağatay: Oi. Estou bem, e você?

Thiago: Estou muito bem, obrigado. Você poderia se apresentar?

Çağatay: Claro. Meu nome é Çağatay Çivici, sou o fundador da PrimeTek. PrimeTek é uma empresa que cria suítes de componentes de UI de código aberto. Nosso projeto mais conhecido é o PrimeFaces, PrimeFaces é para JavaServer Faces. Nós fizemos o PrimeUI, para JQuery e uso geral. Agora nós estamos trabalhando no PrimeNG, que é para Angular 2. E nós também temos planos para o PrimeReact no futuro. Então, isso é o que fazemos, basicamente, criamos componentes de UI de código aberto.

Thiago: Legal. E… PrimeFaces é a biblioteca de componentes mais popular no mundo Java e agora vocês estão trabalhando no PrimeNG. Eu vi no Twitter que há alguns usuários que já têm projetos em produção, então vamos falar sobre PrimeNG hoje. O que é o PrimeNG?

Çağatay: Então… Angular 2 foi reescrito do zero, é bastante diferente do Angular 1… e em qualquer framework, qualquer biblioteca, você precisa de uma tabela, certo? Para apresentar dados. Você precisa de gráficos e coisas do tipo. PrimeNG oferece isso. Ela tem 70 componentes no momento, todos de código aberto. Gráficos, tabelas, acordeões, painéis, abas, campos de entrada, componente para upload de arquivos, tabelas de dados, listas e coisas do gênero. Ela é totalmente de código aberto sob uma licença MIT. Acredito ser uma das bibliotecas mais populares para Angular 2 no momento. Para a maioria das pessoas… eles nos disseram que ela é a mais completa. Quando conferimos a concorrência, parece ser mesmo a mais completa. E nós vamos melhorá-la em 2017 para ser a melhor biblioteca de UI para Angular 2, assim como PrimeFaces é para JSF.

Thiago: Legal. E o que você acha do Angular 2?

Çağatay: Então, nós realmente gostamos dele. Eu nunca usei Angular 1. Nós o conferimos para ver se poderíamos fazer uma biblioteca de UI para ele, mas o núcleo era, digamos, complicado para nós fazermos bibliotecas de UI, embora seja um bom framework. Então, todo o escopo, transclusion, coisas do tipo, processos de compilar e linkar… se tornou complexo para nós criarmos uma biblioteca de UI para ele. Mas daí o Google decidiu que o Angular 2 seria reescrito do zero, que seria totalmente diferente, e, portanto, nós o conferimos em Janeiro. Estava em estágio alfa. Nós realmente gostamos dele porque era muito similar ao JSF, a separação entre model e view, e foi escrito em TypeScript, nós somos desenvolvedores Java. Nós gostamos muito do TypeScript, e daí decidimos criar alguns componentes pra ele e gostamos muito. E agora nós estamos com algum tempo de experiência em Angular 2, desde janeiro, desde os alfas. Ele mudou bastante, houveram até alterações significativas que quebraram código, que não foram muito apreciadas pela comunidade, mas no momento ele parece pronto para uso em produção. Está bem rápido, está mais rápido que o Angular 1. É mais simples, não há escopo ou processos de compilar e linkar como o Angular 1. Ainda há processos similares mas são mais simples. É um framework completo, tem validação, model binding, roteamento, formulários, um bocado de coisas, mais as bibliotecas de UI, como o PrimeNG. Quero dizer, pode ser usado offline. Com Electron você pode criar um aplicativo de desktop, com PhoneGap ou com outras bibliotecas você pode criar aplicativos mobile. Você pode ter renderização no servidor. Você pode facilmente começar a usá-lo através de linha de comando. Há uma excelente comunidade, há conferências. Nós vamos patrocinar a NGConf em abril, nós vamos patrocinar também a Angular Beers, em Barcelona. Estou muito animado em comparecer. Uma biblioteca sem uma comunidade é igual a nada, mesmo que seja perfeita, então, Angular 2 tem uma ótima comunidade e estamos fornecendo… estamos muito felizes de fazer parte da comunidade, e criar bibliotecas de UI para ele é divertido e fácil, então, estamos gostando.

Thiago: Muito bom. Estou estudando Angular 2 e estou gostando também… como você disse, ele é similar ao JSF, só que no lado do cliente. Quanto tempo você acha que leva para ter todos os componentes do PrimeFaces no PrimeNG?

Çağatay: Provavelmente… no momento nós temos 70 componentes… provavelmente vai levar mais uns 6 meses para introduzir novas funcionalidades. Nós vamos ter novos componentes como planilhas, chips, componente de captcha, e nós vamos ter novas funcionalidades como agrupamento de linhas, filtros customizáveis, seletores customizáveis… É interessante porque a comunidade PrimeNG, do Angular 2, deseja algumas funcionalidades e eles simplesmente descrevem elas como é no PrimeFaces. Então, eles simplesmente olham a versão do PrimeFaces e falam “essa é uma funcionalidade legal , nós queremos também no PrimeNG”. Então, “nós temos aqui a especificação”… e nós temos os mesmos pedidos… nós sabemos o que os usuários precisam para criar uma UI, certo? Nós usamos essa experiência do PrimeFaces e fazemos o mesmo no PrimeNG, pois na maioria das vezes, o que as pessoas querem do PrimeNG já existe, no momento, no PrimeFaces. Então, nós iremos portar essas funcionalidades e, provavelmente, em 6 meses, até a ng-conf, teremos um conjunto de funcionalidades maior.

Thiago: E quais são suas expectativas para o PrimeNG no próximo ano?

Çağatay: No momento ela é uma das bibliotecas mais populares, mas nós queremos que a PrimeNG seja a melhor, a mais popular. Ela é de código aberto, é nossa vantagem sobre a concorrência, pois, presumo, há bibliotecas comerciais também. Mas, no momento, nossas expectativas… no momento nós já alcançamos as expectativas, talvez até mais que isso. A quantidade de downloads é de… eu acho que 40.000 mensais. Nós apenas esperamos que venha a ser um pouco mais, e mais pessoas comecem a usá-la. E, em 2017, nós vamos continuar melhorando, para garantir que ela será a melhor e mais completa biblioteca, e também iremos fornecer temas e templates.

Thiago: Ok, só pra deixar claro: nós estamos gravando esta entrevista no final de 2016, e estes planos são para 2017. Eu não sei quando você está assistindo a esse vídeo no YouTube ou Facebook.

Çağatay: Olá para o futuro!

Thiago: Olá para o futuro, haha. Você tem considerações finais que gostaria de falar sobre o PrimeNG ou sobre qualquer outra coisa?

Çağatay: Acho que… se você estiver interessado em Angular ou bibliotecas similares, confira a PrimeNG, porque ela provavelmente oferece quase tudo, mais de 90% do que você precisa para criar uma interface, como tabelas, paginação, ordenação… vale a pena conferir a PrimeNG, e espero no caso de você estar assistindo este vídeo no futuro, que já tenhamos mais funcionalidades, uma maior comunidade e mais usuários também. Então, confira a PrimeNG.

Thiago: Ok, então, muito obrigado pelo seu tempo, Çağatay, e se você gostou desse vídeo, por favor se inscreva no nosso canal no YouTube ou curta nossa página no Facebook. Deixe um comentário abaixo dizendo o que gostou no vídeo… se tem alguma dúvida. Compartilhe com seus amigos… se você tem amigos programadores, compartilhe com eles, porque acredito ser muito importante que todo mundo conheça essa excelente tecnologia, esta ótima biblioteca de componentes para o Angular 2. E agora, no fim de 2016, a AlgaWorks não tem nenhum curso online de Angular 2, mas esperamos ter algo em 2017. Estamos trabalhando duro para isso. Claro que ensinaremos PrimeNG também no nosso curso por sermos parceiros da PrimeTek. Certo? Nós não temos nenhum livro sobre o assunto ainda mas vou deixar um link para que você possa se inscrever na nossa Lista VIP, e assim que tivermos novos vídeos como esse, cursos online, você pode receber avisos por seu e-mail. Se você quiser ficar atualizado sobre estas tecnologias, encontre o link abaixo ou no vídeo sobre essa lista VIP de e-mails. Ok? Muito obrigado novamente, Çağatay…

Çağatay: Obrigado por me receber. Valeu. Tchau para todos.

Fundador e instrutor da AlgaWorks. Certificado como programador Java pela Sun, autor e co-autor de diversos livros de Java, Java EE, JPA, JSF e PrimeFaces e palestrante da maior conferência de Java do mundo (JavaOne San Francisco). Iniciou seu interesse por programação aos 14 anos de idade (1995), quando desenvolveu o primeiro jogo de truco online e multiplayer do mundo. Já foi sócio e trabalhou em outras empresas de software como programador, gerente e diretor de tecnologia, mas nunca deixou de programar.

1 comentário sobre “Bate-papo sobre Angular 2 e PrimeNG com Çağatay Çivici

  1. Henrique -

    Acho que faltou perguntar o que ele prefere. Primefaces ou Angular2

Deixe um comentário